Tag: diego albuquerque

21 de novembro de 2013 /

por Diego Albuquerque. Quando fui convidado para escrever este ensaio sobre Walter Areia, ou simplesmente Areia, a primeira questão que me veio à mente foi: o que seria um ensaio? Na minha concepção, seria algo que você faz previamente e, de preferência, na surdina, até chegar num resultado final satisfatório.  Segundo o dicionário, é uma experimentação prévia destinada a verificar se algo serve ou não para determinado fim. Percebi o quão bem o termo ensaio se encaixa com o padrão…

11 de setembro de 2013 /

Faça o download da coletânea + ensaios aqui. APRESENTAÇÃO Estamos em Pernambuco, há música, crítica e todos os tipos de desencontros. Os espaços de escuta estão escassos. Como sempre, cenas culturais deglutindo e implodindo gerações. Umas após as outras. Os meios impressos não criam mais tensões, mas circulam sobrevivendo entre os escombros. Há um sorriso terno na boca do artista. O Estado controla, ou melhor, procura controlar, catalogar, filtrar e editar a criação. A arte resiste a isso tudo, é…

2 de setembro de 2013 /

Lançaremos no dia 11.09, às 19h30min, no Teatro Arraial, a coletânea musical no mínimo era isso, que reunirá faixas de 10 bandas de Pernambuco, além de um livreto com ensaios sobre as bandas selecionadas. Alguns desses artistas estarão presentes com faixas inéditas, é o caso de Isaar, Rua, Mojav Duo, Team.Radio, Glauco César II e Caramurú. Já os músicos Paes, Walter Areia, Caçapa e Hugo Linns apresentarão faixas de seus últimos trabalhos. No time de críticos, há jornalistas de Pernambuco,…

28 de junho de 2013 /

“Diego Albuquerque é, atualmente, o mais importante crítico musical de Pernambuco” – Júlio Rennó (ex-outros críticos) “Selecionar discos para download passa longe da crítica, não há crítica sem texto” – Barbara Woolfer (Revista de Cinema) “Não é possível mensurar a contribuição que o site Hominis Canidae e a revista MI têm para a música brasileira. Como também não nos damos conta do quanto se tornou irrelevante a crítica musical na mídia impressa tradicional. Quando há…” – Alberto Infante (Diário Austral)…