Tag: siba

17 de novembro de 2016 /

Estado democrático e político precisa de despersonalização, imparcialidade. Contrariando as expectativas, é Cordial o sistema em que vivemos – apaixonado, emocional. Cordial mas passional. Não ecoam os gritos dos “desterrados em nossas terras” (Sergio Buarque de Holanda), mas sim os dos colonos; pois na escolástica deste País não se aprende nem se ensina que “o cigarro é uma invenção dos…

Leia Maispolegar opositor ao (Y)

4 de agosto de 2016 /

I Cinelândia, Rio de Janeiro, A Mulher do Fim do Mundo. Em meio a uma multidão que protestava contra as pautas retrógradas do parlamento brasileiro, especificamente nos projetos de lei que dificultam o atendimento às mulheres que sofreram estupro ou abuso sexual e na restrição ao uso da pílula do dia seguinte, os versos de uma canção que dão nome…

Leia MaisMeu mundo é hoje

17 de fevereiro de 2016 /

A maldição do samba Ouvindo alguns álbuns dos últimos cinco anos, passa a ser mais perceptível uma abordagem pouco usual no que se refere à estrutura musical no Brasil, à polifonia incrustada na harmonia da canção. A polifonia não é nenhuma novidade na música brasileira diante do leque rítmico que a música tradicional nos traz. O samba, símbolo mor da…

Leia MaisCaminhos da polifonia contemporânea

19 de janeiro de 2016 /

A música percorre um caminho de inquietação e reverência à palavra e aos sons delirantes das ruas. As relações de poder contaminam os espaços com o desejo explícito de segregar o que não cabe no gesto, nas cercas, nas noções de normalidade. A rua é viva e sem centro. A música é marginal, anormal, louca e deslumbrante. No entanto, torná-la…

Leia Maisentrevista: Siba

13 de janeiro de 2016 /

Pouco antes de o show começar, Chas Chandler saiu da plateia e foi até a beira do palco para falar reservadamente com Eric Clapton. Perguntou se o guitarrista poderia convidar um músico norte-americano novato, seu fã, que estava por ali, para fazer uma participação na performance que o Cream faria, dali a poucos instantes, na Polytechnic School of London. O…

Leia MaisO continuum cultural da África

18 de dezembro de 2015 /

história, memória e esquecimento – edição 10– bimestral – dezembro de 2015 DOWNLOAD GRATUITO AQUI VERSÃO IMPRESSA AQUI Expediente Edição: Carlos Gomes Projeto gráfico: Fernanda Maia Artista convidado: Gilvan Barreto Jornalista responsável: Marina Suassuna (DRT 5556-PE) Textos e mediação do debate: Carlos Gomes e Marina Suassuna Colaboradores: Bernardo Oliveira, Bruno Vitorino, Débora Nascimento, Fernando Athayde, Fred Coelho, Gabriel Albuquerque, Kiko…

Leia MaisOutros Críticos #10 – história, memória e esquecimento

10 de dezembro de 2015 /

Nazaré da Mata, Pernambuco, De Baile Solto. O músico Siba conversa com policiais militares durante uma noite de ensaio do Maracatu Estrela Brilhante de Nazaré da Mata, do qual o artista faz parte, na tentativa de convencê-los a seguir com a festa até o amanhecer, como sempre fazem, tradicionalmente, as sambadas dos maracatus, já que a intenção da polícia era…

Leia MaisSiba: de baile solto, como ave de rapina

8 de setembro de 2015 /

por Bernardo Oliveira. Entrecrítica é uma crítica construída sobre uma conversa entre o crítico e o artista. De Baile Solto pode ser descrito a partir da consolidação de um longo processo de descolonização: vivificar ritmos, territórios, visões do paraíso, processos imaginativos, tecnologias particulares que, longe dos refletores, pareciam definhar. O ambiente do qual os vídeos no Youtube são testemunha (procurem,…

Leia MaisRepetir, variar, alucinar: entrecrítica sobre ‘De Baile Solto’

19 de maio de 2015 /

Se eu tivesse recebido a missão de escrever este texto até meados do século XV, provavelmente ele não seria escrito, mas sim cantarolado. E haveria grandes chances disso ser feito com base no improviso. É que naquela época a técnica da escrita ainda não havia se difundido e as novidades do mundo chegavam às cidades através dos portadores de histórias,…

Leia MaisDa oralidade à palavra cantada

19 de agosto de 2014 /

por Bernardo Oliveira*. Finalmente assisti ontem ao show do Siba, relativo ao disco Avante, de 2012. Difícil descrever o tamanho do acontecimento. Avante representa um terceiro momento na carreira de Siba — considerando sua trajetória desde o Mestre Ambrósio até a fuga para a Zona da Mata, momento que rendeu a obra-prima Toda vez que eu dou um passo o…

Leia MaisAvante ao vivo, Siba

4 de fevereiro de 2014 /

por Siba. Recife, 3 de Fevereiro de 2014. Antes de ser um cortejo de carnaval que representa uma nação em movimentos de guerra, Maracatu é uma festa na rua, que acontece aos sábados, à noite, entre setembro e o carnaval, e que é conhecida por amanhecer o dia. Nela, se dança um ritmo que só existe ali. Não tem um…

Leia MaisPernambuco, Maracatu de Baque Solto e a Cobertura da Lei

21 de dezembro de 2013 /

por Júlio Rennó. A minha última seleção de destaques em música é a de shows que vi aqui em Pernambuco. A lista apresentada está, por assim dizer, em três partes. A primeira é de shows de bandas e músicos de que mais gostei, a segunda é de projetos especiais que relacionaram música e cinema. A última parte traz um show…

Leia MaisGuia prático para a crítica cultural: listas #2

19 de abril de 2013 /

“Siba faz dessas novas músicas pergaminhos de acesso à sua tradição” – Alberto Infante, Diário Austral. “A íntima poesia das canções faz da métrica uma conquista” – Clarice Flor, Suplemento Palavra. “Música para dançar e sorrir” – Anônimo, Fã Clube. “Repentistas não são poetas. São músicos” – Poeta Anônimo, Clube de Literatura dos Corações Solitários do Sargento Carrero. Siba partiu.…

Leia Maisentrevista + resenha: Siba